Dieta Vegana – O Que É e Como Começar

Você já chamou alguns amigos para um jantarzinho em sua e lembrou de última hora que um deles é vegano?

Aí vem aquela dúvida e desespero não é mesmo?

O que poderei fazer para servir que não seja contra a filosofia de vida dessa pessoa?

Bom, para acertar em cheio e não cometer nenhuma gafe, consulte novamente seu menu e veja se ele está seguindo duas regrinhas básicas:

A primeira é que os alimentos de origem vegetal estão liberados, porém os de procedência animal precisam ser excluídos, incluindo ingredientes comuns como ovos, queijo, leite, mel, entre outros.

Estima-se que ainda uma parcela bem pequena de brasileiros seguem uma dieta vegana.

As razões para adotarem esse estilo de vida é muito variável, mas a maioria acaba citando a questão da saúde como fator crucial, visto que uma alimentação baseada em vegetais pode diminuir o risco de algumas doenças.

Outro bom motivo sempre citado fica por conta da questão ideológica mesmo, se assim podemos dizer, pois estes não consumem carne e outros produtos como filosofia de vida e razões próprias, como proteger os animais, o meio ambiente, natureza, etc…

Caso você já tenha pensado em iniciar uma dieta vegana, talvez se pergunte se esse modo de alimentação é a correta para você.

Embora você possa obter alguns benefícios reais de ficar sem carne, também existem alguns desafios.

O Que é Liberado para Comer na Dieta Vegana

Em uma dieta vegana, você pode comer alimentos de origem vegetal, como:

  • Frutas e Vegetais;
  • Legumes como Ervilhas, Feijões e Lentilhas;
  • Nozes e Sementes;
  • Pães, Arroz e Macarrão;
  • Alternativas Lácteas, como Leite de Soja, Leite de Coco e Leite de Amêndoa;
  • Óleos Vegetais;

O Que Não se Pode Comer

Os veganos excluem de sua alimentação todos os alimentos de origem animal, incluindo:

  • Carne de Vaca, Porco, Cordeiro e outras Carnes Vermelhas;
  • Frango, Pato e outras Aves;
  • Peixe ou Marisco, como Caranguejos, Amêijoas e Mexilhões;
  • Ovos;
  • Queijo, Manteiga;
  • Leite, Creme, Sorvete e outros Produtos Lácteos;
  • Maionese (Porque contém Gemas de Ovo);
  • Mel.

Principais Benefícios para a Saúde

Pesquisas demonstram que os veganos têm melhor saúde cardíaca e menor probabilidade de ter algumas doenças.

Aqueles que deixam de consumir carnes têm menos chance de se tornarem obesos ou de contrair doenças cardíacas, colesterol alto e hipertensão.

Os veganos também têm menor chance de desenvolver diabetes e outros tipos de câncer, especialmente os do trato gastrointestinal e da mama, ovários e útero nas mulheres.

Converte-se em vegano pode ajudá-lo a viver muito mais, especialmente se você também diminuir suas calorias consumidas diariamente.

Um melhor processo de controle de peso pode ser um dos motivos para todos esses benefícios à saúde.

Normalmente, os veganos possuem IMC (índice de massa corporal) mais baixo do que as pessoas que se alimentam de produtos de origem animal.

Uma excelente nutrição é outra vantagem dos veganos. Seu alto índice de consumo de frutas, vegetais, grãos inteiros, nozes e outros, são a base da dieta vegana.

Tais alimentos são riquíssimos em fibras, antioxidantes e substâncias que auxiliam na proteção contra doenças como diabetes e câncer.

Riscos

De forma geral, uma dieta vegana é muito saudável, porém, evitar ingerir proteína animal pode prejudicar as taxas ótimas de alguns nutrientes, como proteína, cálcio, ácidos graxos ômega-3, zinco, vitamina B12 e vitamina D.

Você necessita de proteína para alimentar todas as reações químicas do seu organismo. O cálcio, por exemplo, fortalece seus ossos e dentes.

Os ácidos graxos ômega-3 mantêm as células saudáveis ​​e protegem o coração, protegendo-o contra doenças cardíacas e derrames.

Esses nutrientes são especialmente importantes para o organismo em crescimento das crianças e para as mulheres grávidas.

É possível encontrar substitutos para a maioria desses nutrientes essenciais em alimentos à base de plantas, como no esquema abaixo:

  • Proteína: Nozes, Soja, Feijão, Quinoa;
  • Cálcio: Leite de Soja, Suco de Laranja Fortificado, Tofu com Cálcio, Brócolis, Couve, Amêndoas;
  • Ácidos Graxos Ômega-3: Linhaça, Óleos Vegetais, Suplementos Vegetais;
  • Ferro: Tofu, Nozes de Soja, Espinafre, Manteiga de Amendoim, Cereais Fortificados.

Um nutriente que impossível obter somente de fontes vegetais é a vitamina B12, que seu corpo usa para produzir glóbulos vermelhos e DNA.

Só é possível encontrar B12 em produtos de origem animal. Caso você se torne vegano, pode necessitar de um suplemento para compensar o que não alcança com sua dieta.

Lembre-se de que uma dieta vegana é tão saudável quanto você a torna. Produtos como sorvete, biscoitos e doces “vegan” são tentadores, mas você não quer exagerar.

Se você comer alimentos processados ​​e com alto teor de gordura, e aumentar suas porções, vai ganhar peso e pode acabar com muitos dos mesmos problemas de saúde que teria em uma dieta à base de carne.

Como Se Tornar Vegano

A ideia de uma dieta vegana é interessante para você, mas não sabe como começar?

Caso queira, você pode mergulhar de cabeça e cortar de vez todas as aves, carnes, ovos e laticínios da alimentação.

Caso isso seja muito radical, faça uma abordagem mais gradual e eleve a quantidade de frutas e vegetais que você consume em cada refeição.

Se remover todos os produtos de origem animal de sua alimentação parece ser um enorme sacrifício, procure uma abordagem menos rígida.

Não deixe de consultar seu médico e nutricionista para que ambos profissionais adequem sua alimentação da melhor forma e mais segura.

E você, tem alguma experiência com a dieta vegana?

Se você é adepto, pode nos contar e dividir suas experiências?

Veja também: