8 Benefícios do Aranto – Para que Serve, Como Usar e Efeitos Colaterais

Na busca por técnicas e tratamentos que possam contribuir com a melhoria de sua saúde, muita gente tem apostado no uso ou consumo de produtos naturais como auxiliares importantes nesse sentido, como é o caso do Aranto.

O Aranto é uma planta suculenta, de nome cientifico “Kalanchoe Daigremontiana”, mas popularmente também é chamada de “mãe-de-milhares ou mãe-de-mil”, sendo nativa da ilha africana de Madagascar.

Ela tem muita facilidade em se reproduzir e se adapta muito bem ao ambiente interno de uma casa, por isso é comum a ver dentro das residências.

Além disso, ela é muito conhecida e utilizada por conta de suas propriedades medicinais, que dentre as principais, destacam-se as propriedades anti-inflamatória natural, antioxidante, sedativa, anti-histamínica e analgésica.

Ultimamente foi criada uma polêmica a seu respeito, pois muitos acreditam que a planta possua propriedades antitumorais, porém, não existem estudos científicos que confirmem tais propriedades.

Com finalidades terapêuticas, as folhas de Aranto são utilizadas para se extrair os componentes ativos, onde estão as propriedades medicinais da planta.

Seu consumo é comumente realizado através de um chá natural de folhas ou através de cápsulas, produto este que é produzido com base no extrato seco das folhas da planta medicinal.

Vale citar neste momento que, se consumido de forma excessiva, o Aranto pode causar sérios problemas, como uma intoxicação.

Sendo assim, é necessário ser precavido e tomar a bebida com moderação.

Utilização Medicinal da Planta

As folhas de Aranto são usadas para diversos fins terapêuticos, e dentre os principais estão: medicação convencional contra o trabalho de parto prematuro, infertilidade, reumatismo, inflamação, hipertensão, cólica renal, diarreia, feridas profundas, infecções, queimaduras, abscessos, entre muitas outras moléstias.

Uma das substâncias que compõem o Aranto, a bufadienolida, tem despertado ultimamente um interesse muito grande da comunidade cientifica internacional.

Esse interesse se deve ao fato dessa substância já ter demonstrado, sob algumas circunstâncias, propriedades antitumorais em pesquisas realizadas em ensaios in vitro e in vivo.

Apesar disso, é muito importante deixar bem claro que, até este instante, os ensaios in vivo foram feitos somente em camundongos, ainda que tenham mostrado resultados promissores e animadores.

Mas é importante saber também que, essas propriedades médicas provocam um grande desafio aos cientistas.

Isso porque elas não estão totalmente isentas de certos riscos gerados pelo esteroide daigremontianina, um veneno que pode surgir em quantidades maiores ou menores, dependendo da localização da planta, da água disponível, da estação do ano e da composição das mesmas.

A daigremontianina é uma substância que pode provocar insuficiência cardíaca e renal caso sua concentração esteja muito alta.

Da mesma forma, seu uso por longos períodos, mesmo que em quantidades pequenas, pode ter como consequência uma intoxicação crônica pelo componente tóxico.

Na sequência, falaremos a respeito dos principais benefícios oferecidos pelo Aranto, adiantando que ela se destaca por sua ação protetora da saúde da boca e por ser um medicamento natural no tratamento de dores em geral, no tratamento de úlceras e demais moléstias que veremos abaixo.

Principais Benefícios do Aranto

1 – Saúde Bucal Protegida

O extrato de aranto é utilizado no tratamento de várias moléstias que atingem a boca, como gengivite e inflamação oral causada por doença periodontal (estomatite II-III).

A sugestão é que a bebida feita com o Aranto seja preparada com água fervida e logo após resfriada e consumido como chá.

2 – Atenuação da Rinite

O chá dessa planta medicinal é conhecido popularmente por auxiliar no tratamento da rinite alérgica, e para que isso aconteça, é necessário ingerir a planta como uma infusão de duas a três vezes ao dia.

Assim, será possível ver resultados em uma ou duas semanas.

3 – Atua no Combate a Úlceras

O Aranto pode ainda ser usado no tratamento de úlceras tróficas nas veias, estômago e úlceras pós-traumáticas caso aconteça alguma lesão.

Caso seja uma ferida externa, também pode ser feito camadas das folhas para ser aplicado topicamente nas áreas afetadas.

4 – Ajuda a Proteger o Sistema Reprodutor Feminino

Para mulheres que tem infecção urinária ou mesmo complicações no colo do útero, é interessante saber que o Aranto contribui para combater esses males, seja na forma de chá ou extrato.

Existe ainda uma pomada de aranto que pode ser aplicada na área vaginal por cerca de 15 dias, de 8 em 8 horas.

Esse produto auxilia na desinfecção e promove proteção contra bactérias que possam se proliferar na região.

É preciso para fazer uso deste produto uma recomendação médica.

5 – Auxilia no Combate das Dores nas Costas

Assim como aplicada topicamente para tratar feridas, as folhas quentes do Aranto podem também ser colocadas em áreas doloridas das costas, como na região lombar e torácica, uma vez ao dia ou até que as dores sejam cessadas.

6 – Auxilia em Queimaduras Causadas pelo Sol

Novamente, utilizar as folhas quentes e moídas de Aranto, aplicadas sobre a pele nas regiões atingidas por queimaduras causadas pelo sol, pode ajudar muito no tratamento.

É importante realizar o procedimento ao mínimo uma vez ao dia, durante 5 ou 6 dias, para que a pele se recupere totalmente.

7 – Trata Doenças do Ouvido, Nariz e Garganta

De acordo com médicos otorrinolaringologistas, é recomendável a aplicação de gotas nasais de Aranto, com ajuda de uma seringa, como um medicamento preventivo nos tempos de gripe alta, quando o tórax está inflamado ou surge sinusite, principalmente na época do inverno.

O Aranto pode ainda ajudar no combate de doenças crônicas, como problemas no ouvido médio, onde o extrato é aplicado em compressas de gaze umedecidas e inserido no ouvido com cuidado para não prejudicar o tímpano ou causar novas infecções.

O tempo de ação deve ser de 30 minutos.

8 – Combate às Rugas

Aplicar uma solução de chá ou extrato de Aranto, reforçado com mel, no rosto, pode ser benéfico para diminuir e prevenir linhas de expressão do rosto.

Essa mistura tem o poder de nutrir, hidratar e manter a elasticidade da pele.

Possíveis Efeitos Colaterais e Contraindicações do Aranto

A recomendação é que seja consumido no máximo 30 gramas diárias do produto, durante somente um mês, pois existe um grande risco de aparecerem problemas relacionados a intoxicação por superdosagem do produto.

Dentre os principais efeitos colaterais que podem surgir, estão paralisia e contração muscular.

Assim, é fundamental não iniciar quaisquer tratamentos com esta planta medicinal sem autorização ou ciência médica, pois somente estes profissionais especializados é que saberão dizer sobre a segurança de seu uso.

Agora, gostaríamos de saber sobre sua experiência com esta erva medicinal.

Você já fez uso da mesma em algum tratamento?

Obteve bons resultados?

Comente abaixo quais foram seus resultados e compartilhe sua experiência com os demais leitores para que todos conheçam ainda mais seus efeitos e benefícios.

Veja também: