Água Boricada – Para que Serve e Como Usar

Muito conhecida por seu uso em diversos problemas de saúde, principalmente os oculares, como a conjuntivite por exemplo, a água boricada oferece diversos benefícios terapêuticos através de seu uso controlado.

Porém, o contrário também é verdadeiro, pois se utilizada de forma errada, ela pode representar um sério risco para a saúde.

Antes de qualquer coisa porém, é importante definir o que é a água boricada.

Pois então vamos lá: este produto nada mais é do que uma solução límpida, incolor e inodora (sem cheiro) com proporção de 3% de ácido bórico em sua composição.

Este ácido representa o composto mais importante na solução deste produto, pois é justamente ele quem a água boricada suas características antissépticas.

Seja através de um ferimento ou mesmo por ingestão por via oral, é importante saber que ambos podem representar riscos de intoxicação, porém, a absorção através de um ferimento por ser mais eficaz, gera maior perigo.

Uma simples exposição à poeira do ácido bórico pode gerar uma grave irritação nos olhos.

Por conta de constantes relatos de toxicidade e acidentes, a venda do ácido bórico é dificultada ou mesmo proibida em muitos países.

O uso dele como uma solução antisséptica foi proibido nos Estados Unidos há algum tempo, por recomendação e pressão dos órgãos de representação e conselhos médicos daquele país.

Em nosso país, o ácido bórico é encontrado em apresentações de concentrações de até 5% em produtos vendidos sem prescrição de um médico.

Esta prática porém é motivo de grande preocupação entre os especialistas, visto que algumas agências de saúde importantes como a FDA (Food and Drug Administration), a agência federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos e que é uma espécie de Anvisa americana, contende contra o uso indiscriminado e a real segurança do uso tópico de ácido bórico como um antisséptico para a região dos olhos.

Água Boricada – Para que Serve e Principais Usos

Como já citado inicialmente, a água boricada tem seu uso medicinal muito difundido no Brasil e isso se deve ao fato do produto ter uma forte ação antisséptica contra bactérias e fungos.

Ela é muito recomendada no Brasil para ser utilizada principalmente em problemas nos olhos, como a conjuntivite, em ferimentos e irritações na pele, em casos de furúnculos, infecções na orelha externa; terçol, queimaduras leves, entre outros problemas.

Seu uso é bem disseminado no país porque ele tem se mostrado como uma excelente opção para o tratamento de afecções.

Apesar disso, seu uso incorreto pode ser muito nocivo, podendo até mesmo piorar algumas doenças presentes nos olhos.

Foi justamente isso que demonstrou uma recente pesquisa que verificou a utilização da água boricada nos olhos de algumas pessoas, chegando à conclusão que aplicações inadequadas do produto podem agravar seriamente diversos quadros de afecções oculares.

De acordo ainda com a pesquisa, os frascos de medicações e soluções contendo água boricada mostraram grande potencial de serem veículos de transferência de microorganismos patógenos para nossos olhos.

Nos estudos foram encontradas bactérias da espécie Staphylococus aureus nas tampas de frascos que tinham água boricada, ao mesmo tempo em que no tecido conjuntivo do usuário do mesmo frasco de água de boricada, foram encontradas a bactéria Morganella morganii.

A pesquisa indica que esta forma de contaminação teve como causa o tempo em que o frasco permaneceu aberto, que foi 1 semana, aliado ainda ao descuido do usuário ao reclinar a tampa do frasco em um local qualquer.

Foram achadas ainda outras bactérias em recipientes abertos de água boricada, como a Staphylococcus sp e a Staphylococcus coagulase.

No tecido conjuntivo das pessoas que utilizaram esses frascos de água boricada, foram achadas também as bactérias Staphylococcus coagulase, Staphylococcus aureus, Corynebacterium xerosis, Morganella morganii, Streptococcus viridans e Escherichia coli.

Desta forma, ficou demonstrado que, mesmo a água boricada tendo efeitos terapêuticos antissépticos reais, é muito grande a chance de contaminação através dela por uso incorreto do produto, que pode gerar altos riscos para a saúde dos olhos.

A pesquisa revelou ainda que mesmo o uso controlado dentro do ambiente hospitalar representa alto risco de contaminação pelo produto.

Quando utilizada sem prescrição médica, quando a concentração de ácido bórico for muito alto na solução ou ainda quando o produto é ingerido, é esperado por conta de sua toxicidade algumas reações alérgicas graves, problemas respiratórios, alterações gástricas, neurológicas e insuficiência renal, dentre outros.

Vale dizer que, além de todos os riscos de contaminação por microorganismos patógenos, a água boricada nunca foi um produto desenvolvido especificamente para uso oftalmológico.

Na verdade o que aconteceu foi que, a partir da década de 1920, foi ordenado que todos os produtos produzidos com a finalidade de serem aplicados nos olhos fossem feitos de modo isotônico, ou seja, eles deveriam a partir de agora apresentar concentração próxima à dos líquidos que integram os olhos.

Pelo fato do produto água boricada não conter necessariamente as características isotônicas, ela não pode ser considerada um produto integralmente seguro para uso nos olhos.

Para garantir uma utilização segura de água boricada nos olhos, se faz fortemente necessário uma legislação ou regulamentação mais precisa, que indique no produto vendido quais os usos recomendados, qual a composição do produto, os modos de preparação, manuseio adequado da água boricada, entre outros.

Lembre-se, somente utilizar este produto quando houver expressamente uma recomendação médica para tal.

Jamais coloque sua saúde ou de outros em risco, fazendo uso de produtos que você não entende perfeitamente como funciona, quais riscos acarreta, etc.

Era isso que gostaríamos de compartilhar com todos hoje.

E você, tem algo para dizer ou alguma experiência com o produto em questão para dividir com nossos leitores?

Caso tiver, nos escreva um comentário logo abaixo, que rapidamente responderemos a todos!

Veja também: